15 de janeiro de 2009

Não sei dar títulos a posts pessoais !!!

Às vezes tudo o quero é uma companhia.
Que alguém venha e me tire de onde estou.
Que me dê um pouco daquilo que preciso e desconheço que preciso. Que me dê aquilo que não posso dar a mim mesmo.

Nesses momentos é que percebo que a solidão tem sido a minha única e melhor companhia.
Ela sempre está comigo, sempre me convida a dar um passeio, a ver filmes e comer pipoca. Não se incomoda se eu quero apenas uma tarde tranquila no sofá vendo a maratona de alguma das minhas séries preferidas ao invés de sexo casual, porque gosta disto tanto quanto eu. E o melhor de tudo é que ela não quer nada em troca além da minha companhia.

Até parece que tenho 5 anos novamente. Mas não tenho mais cabeça para amigos imaginários e para uma platéia inexistente que vê meu "show" em um canal qualquer criado por mim e que só existe nos meus sonhos infantis.
Tudo o que tenho está aqui do meu lado neste momento olho ao redor e não vejo nada

I've been so high, I've been so down
Up to the skies, down to the ground
I was so blind, I could not see
You paradise is not for me
Postar um comentário