19 de julho de 2010

Cartões PanAmericano! Quem tem?

Sabe o Banco PanAmericano? Aquele do Grupo Silvio Santos? Nunca viu promotores de venda por aí? É porque não existem promotores deste produto.

Quando você compra uma TeleSena pra sua mãe (eu realmente espero que seja para sua mãe) e preenche aquele cadastro interno, existe num espaço para assinatura opcional e em letras microscópicas uma solicitação de crédito. Semanas depois chega pra sua maezinha um belíssimo pacote com um cartão de crédito Visa ou MasterCard. Até aí tudo bem, né? Estratégia. Os cartões chegam bloqueados e é opcional o desbloqueio e uso deles. No 1° contato com o atendimento telefônico as dúvidas sobre anuidade (que é substituída por uma "taxa administrativa"), vencimento e limites de crédito são esclarecidas.

Eu já tive motivos pra reclamar dos serviços do PanAmericano, mas ultimamente não. Eles sabem agradar ao cliente. Eles praticam o que hoje é vital: O ENCANTAMENTO. Em poucos meses minha mãe já ganhou (totalmente de grátis) uma assinatura de 3 meses da revista Cláudia pela Editora Abril (sem renovação automática, o que é muito importante - você que é cliente Abril sabe do que estou falando) e uma pelúcia ENORME do desenho Bolt, da Disney. Isso tudo sem demoras e custos adcionais. Além de participar de um programa de fidelidade onde ela pode trocar seus pontos por produtos do site.

Parabéns ao PanAmericano que tem me surpreendido e feito tudo isso se sobressair a falta de profissionalismo de alguns funcionários do grupo!

Postar um comentário