25 de setembro de 2008

Pieces of My Life So Far

Esse blog tem andado bem down ultimamente, mas como canta o Pato Fu (e este é o Blog do Pato), " ... vou sorrir querendo chorar ... "
Compreensível, não?

Então ...
Vou tentar manter os posts curtos e simples. Eu acordei hoje e fui ouvir o álbum Simple Things da Amy Grant. Sempre que ouço ele eu o comparo com o anterior, o Behind The Eyes. Acho interessantíssimo como 2 álbuns se diferem tanto. Tanto no título quanto em seu conteúdo. Amy mantém suas idéias e crenças, mas está muito mais madura.

Pra você entender a diferença:

Behind The Eyes (1997): Fala de percas, de separação. Foi neste período que Amy divorciou-se de seu marido Gary Chapman, com o qual teve 3 filhos. O título nada mais é que uma afirmação de que o álbum lhe mostrará a Amy mãe, esposa e cristã, ainda que com sua fé abalada pela luta de se manter um lar e não conseguir. Você chega a sentir o sofrimento dela em baladas folk, como em "Takes a Little Time", ou nas mais melosas melodias country do Teneesse, como em "Missing You".

Simple Things (2003): Lançado anos depois, é atualmente o mais recente trabalho de inéditas dela. Nota-se uma grande mudança do quadro geral de sua vida e carreira. Agora vemos uma Amy bem mais tranquila e com muitas perspectivas. Casada com Vince Gil (atual marido) e mãe de mais uma criança (agora são 4 no total - bens a Deus!). Sentimos sua alegria em "Happy" e até conseguimos ver a beleza das coisas simples da vida em "Simple Things", faixa que dá título ao álbum.

Anos depois o que temos de material inédito dela? Seu livro "Mosaic - Pieces of My Life So Far", que ainda está sem título pro Brasil e acho que permanecerá assim! Queria o livro justamente pra ver além de suas músicas. Ela cita os momentos que a levaram a compor suas faixas e expõe um pouco de sua vida pessoal.
O que eu acho interessante é justamente como precisamos, ainda que neguemos, de alguém ao nosso lado. Acho que o homem não consegue viver sozinho e, se consegue, é fato que vive-se bem melhor acompanhado.

Estou numa fase Behind The Eyes e espero chegar à Simple Things.
Encerro meu post com um trecho de "Takes a Little Time":

"To get the Titanic turned back around
It takes a little time sometimes
But baby you're not going down
It takes more than you've got right now
Give it time"
Postar um comentário